Publicaš§es OAB-GO

13/01/2022 22:00

Jacˇ Coelho: "╔ hora de nos reorientarmos no caminho da unidade".

A CASAG vai caminhar de forma harmônica e convergente com a OAB-GO para alcançar seu objetivo essencial: prestar assistência aos advogados goianos. Esse foi o tom do discurso do novo presidente da Caixa de Assistência dos Advogados de Goiás, Jacó Coelho, durante a solenidade de posse, realizada na noite desta quinta-feira (13), no CEL.

“É hora de nos reorientar no caminho da unidade, dar um passo adiante. Não há lugar para uma instituição que esteja em dissonância com a seccional, conquanto tenha autonomia administrativa a CASAG deve marchar progressivamente com a Ordem dos Advogados do Brasil – seção Goiás, cumprindo com o objetivo para o qual foi criada: prestar assistência para cada advogado".

“Não parece correto e moderno a existência, em um mesmo sistema, de estruturas administrativas duplicadas (como Casag e OAB-GO)”, frisou. Segundo ele, essa reformulação começará imediatamente porque o modelo atual torna mais onerosa a prestação de serviços aos advogados e às advogadas do Estado de Goiás.

Jacó revelou que já está trabalhando, em conjunto com a nova Diretoria, para a reformulação administrativa que garanta a possibilidade de a Caixa de Assistência e da OAB-GO “marcharem em conjunto”.

Em sua fala, o presidente da OAB-GO, Rafael Lara, reforcou que a OAB-GO será um modelo de gestão, um modelo de sistema unificado. “Isso vai acontecer já nos primeiros seis meses da nossa gestão da OAB de Goiás”, avisou.

Ele frisou ainda que é preciso entender finalmente que as cadeiras são maiores que as pessoas. “É uma missão que assumimos: nós passaremos, e precisamos devolver as instituições melhor do que recebemos (...). Temos um grupo unido e todos os dias fará uma única pergunta antes de qualquer medida a ser tomada: é bom para a advocacia?”.

Saneamento de custos

Ainda em seu discurso, Jacó Coelho destacou a necessidade de saneamento dos custos da Caixa de Assistência. Ele disse que, além de necessária, a redução dos custos fixos da instituição é completamente possível, ainda que resguardando “as atividades em que essa premissa não se mostrar possível”.

“É possível sanear determinadas atividades no âmbito da CASAG de modo a torná-la superavitárias, a exemplo do CEL da OAB. Desse modo, tenham certeza de que todos nós do sistema não medimos esforços para cumprir todos os compromissos assumidos e a serem realizados em benefício da advocacia do interior e da capital do Estado”.

Projetos

Jacó Coelho disse ter um projeto audacioso e inovador para ser aplicado na CASAG, levando em conta “os mesmos princípios de gestão que tornaram a OAB-GO um exemplo a ser seguido nacionalmente dentro do Sistema OAB”. Segundo ele, com coragem e união, Caixa de Assistência goiana passará por inovação e modernizações que vão atender ainda mais as reais necessidades da advocacia.

Membros

Além da diretoria da OAB-GO e da Escola Superior de Advocacia (ESA), a composição da diretoria da CASAG fica da seguinte forma: Jacó Carlos Silva Coelho, na presidência, Neli Carita Máximo Figuerêdo, como vice-presidente, Rodrigo de Moura Guedes (Tesoureiro), Daniella Grangeiro Ferreira Kafuri (Secretária-Geral), Wanessa Pinheiro de Souza (Secretária-Geral Adjunta), Haroldo Ferraz Araújo (Diretor Adjunto), Rayenne Cristina Vieira e Silva (Diretora Adjunta), Elisama Borges Rodrigues (Diretora Adjunta), Cláudio Mariano Peixoto Dias (Diretor Adjunto) e João Carlos Tomás dos Santos (Diretor Adjunto).

Compartilhar: